TJMG debate a contribuição da tecnologia para o Direto

20/04/2018 - 12:30

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), por meio da Escola Judicial Desembargador Edésio Fernandes (Ejef), promove, nesta sexta-feira, 20, o Seminário “Direito e Tecnologia – Inteligência Artificial na Justiça”, realizado no Tribunal Pleno do Tribunal.

Diversos especialista debatem, durante todo o dia, como a tecnologia tem mudado o mundo do Direito e da Justiça. O Seminário tem o objetivo de apresentar caminhos que vêm sendo trilhados pelos Órgãos Públicos, instituições de ensino e escritórios de advocacia para colocar a Inteligência Artificial em favor da melhoria da prestação jurisidicional.

seminariotecdireito

O 2º vice-presidente do TJMG e superintendente da Ejef, desembargador Wagner Wilson, observou, na abertura do evento, que o campo do Direito não fica alheio às inovações e transformações tecnológicas que ocorrem no mundo. De acordo com o desembargador, em 2011, a IBM lançou um computador com capacidade de produzir conhecimento a partir de informações recebidas.

Segundo o magistrado, estudantes da Universidade de Toronto, no Canadá, estudaram e treinaram os algoritmos deste computador para ler e entender textos jurídicos, criando um robô, considerado o primeiro advogado de Inteligência Artificial do mundo, capaz de responder perguntas jurídicas em pouco tempo, por meio de pesquisas de textos em leis, jurisprudência e fontes secundárias do Direito, que tem sido utilizado em mais de 50 escritórios de advocacia dos EUA para atender a seus clientes.

seminariotecdireit2

O painel de abertura “Tecnologia e Inovação no TJMG: Presente e Futuro”, foi realizado pelo desembargador Wilson Almeida Benevides, superintendente de Tecnologia e Informação do Tribunal, e pelo juiz Antônio Carlos Parreira, auxiliar da Presidência, apresentado a contribuição da implantação do PJe e sistema Themis no Tribunal, que aumentou a eficiência, produtividade, melhoria das condições de trabalho e reestruturação organizacional, pelo uso destes sistemas.

O seminário é voltado para magistrados, servidores, advogados, comunidade acadêmica sobre a inteligência artificial aplicada ao direito e a justiça e suas implicações para a prestação jurisdicional.

 

 

Compartilhe
Logar-se para comentar
Nenhum comentário ainda.